9 Maneiras Consciente de Realmente Aproveitar Sua Viagem

Por Sa Souza

Considere as próximas dicas o seu cartão de embarque feliz, enquanto você cruza fusos horários, sobrevive as esperas e respira através de atrasos. Acalme sua turbulência interna para uma decolagem mais tranquila e pouso mais leve.

IMG_6617-0.JPG

1. Coma Leve

Procure evitar comida pesada e difícil de digerir por 24 horas antes de seu vôo. Até mesmo alguns alimentos saudáveis podem te deixar com gases como brócolis e couve-flor. A cafeína, bebidas gaseificadas e álcool causa desidratação e ampliam os efeitos infelizes da cabine pressurizada.

2. Inspire e expire

Procure usar as escadas em vez da escada rolante – uma caminhada de dez minutos ao redor do aeroporto vai melhorar a sua circulação durante o vôo. Acelere um pouco seus batimentos cardíacos para transportar o sangue rico em oxigênio para os músculos e melhorar a respiração celular, mesmo quando você tem o seu cinto de segurança bem apertados.

IMG_6622.JPG

3.Um pouco de yoga nas alturas

Em seu assento, entrelace as mãos sob sua coxa direita e traga seu joelho na direção testa. Sinta sua coluna curvar e perceba o espaço criado entre as pobres vértebras que são comprimidas quando sentamos em uma mesma posição por muito tempo. Mantenha a posição por algumas respirações e troque de lado.

4. Não esqueça os quadris

Cruze o tornozelo direito em cima do tornozelo esquerdo e deixe o joelho direito cair levemente para o lado e depois para o outro, abrindo de leve o quadril. Se você é mais flexível coloque seu tornozelo direito em cima do seu joelho esquerdo. Mantenha cada lado durante cerca de 5-8 respirações longas e suaves.

5. Um role pela cabine

Quando o piloto desligar o sinal de cinto de segurança, vai dar uma caminhada. Use uma mãos contra a parede para se equilibrar, fique na ponta dos pés e os calcanhares umas 10 vezes, para obter a circulação de volta para os músculos da panturrilha. Se você conseguir, fique em uma perna, dobre a outra trazendo o calcanhar no glúteo e puxe bem o pé para alongar a parte da frente da coxa (tipo alongamento de corredor). Mantenha cada lado durante cerca de 5-8 respirações longas e suaves. Intensificando o alongamento sempre na exalação.

6. Uma torção

Sente-se bem ereto (inspire), segure o descanso de braços do seu assento e torcer (exale) a partir do seu umbigo para um lado por cinco respirações, e depois para o outro.

7. Movimento Consciente

Uma vez que você saiu do avião, mesmo que se sinta exausto ou “jet lag”, tente caminhar uns 10 minutos para dar um “up” no seu metabolismo e circulação. Para as refeições, opte por alimentos leves como saladas e vegetais verdes, que ajudam a eliminar toxinas e líquidos mais facilmente. O chá verde é um diurético natural e vai ajudar a diminuir a retenção de água.

IMG_6620.JPG

8. Vire de cabeça para baixo

Uma vez que você desembarcou, encontrar um lugar tranquilo para se deita de costas e elevar as pernas para cima numa parede durante 10 minutos em “Viparita Karani”. Ficar sentado ereto, com os pés no chão por muito tempo, pode criar pressão nas veias das pernas e causar fluidos que se acumulam nos tecidos moles.

IMG_6621.JPG

9. Mergulhe na serenidade

Tome um bom banho com sais de Epsom, polvilhe um pouco de óleo de lavanda ou sândalo na água para aliviar o desconforto do avião… ou aquele banho de mar!

Autora: Andrea Marcum
Texto Original: MindBodyGreen





Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*